As Autarquias enquanto Agentes de Conservação da Natureza e Biodiversidade

A Ordem dos Biólogos, através da sua bastonária, Maria de Jesus Fernandes, juntamente com o Sr. Ministro do Ambiente e da Ação Climática, Dr. Duarte Cordeiro, e o Diretor Regional de Lisboa e Vale do Tejo do ICNF, marcaram presença na inauguração da Estação da Biodiversidade do Canhão Cársico de Ota.

Nesta visita, a conservação da natureza foi o tema principal, tendo a Sra. Bastonária aproveitado para conversar com a tutela sobre várias questões para a salvaguarda da biodiversidade e para o cumprimento das metas estabelecidas a nível internacional.

Durante o seu discurso, a Ordem realçou o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelas Biólogas da equipa da Conservação da Natureza do Município de Alenquer, bem como destacou o exemplo de uma autarquia que reconhece a profissão do Biólogo e assume nos seus compromissos a preservação do seu património natural.

A iniciativa contou ainda com o anuncio oficial da integração do Monumento Natural Local do Canhão Cársico de Ota na Rede Nacional de Áreas Protegidas, uma área protegida que contempla “um dos mais interessantes vales em canhão das regiões calcárias portuguesas, com escarpas e cones em cascalheiras” e abriga comunidades biológicas de grande importância nacional.

Regime Excecional – Títulos de Especialidade 2021/2022

O Conselho Diretivo da Ordem dos Biólogos relembra que se encontra a decorrer, até 31 de dezembro de 2022, um período excecional de candidaturas para atribuição dos Títulos de Especialista em Análises Clínicas, em Genética Humana e em Embriologia / Reprodução Humana do Colégio de Biologia Humana e Saúde.

Para mais informações: http://blog.ordembiologos.pt/titulos-de-especialista-em-analises-clinicas-em-genetica-humana-e-em-embriologia-reproducao-humana/

Olimpíadas Nacionais das Reservas da Biosfera

Realizou-se, de 11 e 14 de setembro, uma visita à Reserva da Biosfera da Graciosa, com os alunos vencedores das primeiras Olimpíadas Nacionais das Reservas da Biosfera.

A visita foi organizada pela Ordem dos Biólogos e contou com o apoio da Secretaria Regional de Ambiente e Alterações Climáticas, da Reserva da Biosfera, bem como da Câmara Municipal Santa Cruz da Graciosa.

A visita, que permitiu conhecer a Ilha da Graciosa e os seus elementos naturais notáveis, mas também contactar com a cultura e a forma de vida bem distinta da que levamos no Continente ou mesmo na Madeira, foi o culminar deste projeto de que tanto nos regozijamos.

As Olimpíadas Nacionais das Reservas da Biosfera integram o projeto “Reservas da Biosfera: territórios sustentáveis, comunidades resilientes”, financiado pelos EEA GRANTs, e do qual a Ordem dos Biólogos é parceira. (informações em Reservas da Biosfera)

OIAB 2022 – Portugal nas Olimpíadas Ibero-americanas de Biologia (Lima, Peru)

Inicia-se hoje, 05 de setembro a XV Olimpíada Iberoamericana de Biología, que decorre em Lima (Perú) em formato online e que conta com 14 países (Argentina, Bolivia, Brasil, Colombia, Costa Rica, Cuba, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, México, Peru, Portugal e Republica Dominicana) e 3 observadores (Honduras, Panamá e Porto Rico).

A Delegação de Portugal, é composta pelos Juris Pedro Oliveira e Margarida Roque e pelos estudantes Ana Rita Dias Abreu, Benedita Ferreira Machado Miguel Sousa Pinto Vasconcelos Castelo e  Rita Antunes Pedrosa.

A Ordem dos Biólogos e toda a Equipa das Olimpíadas, deseja que seja um evento cheio de aprendizagem, desafios e também muita diversão.

Novo site da Base de Dados de Variabilidade Biológica da Federação Europeia de Laboratório Médico (EFLM)

A European Federation of Clinical Chemistry and Laboratory Medicine (EFLM), através do Task and Finish Group of Practical Approach to Measurement Uncertainty, publicou recentemente o artigo “Measurement uncertainty for practical use”, onde emite um conjunto de recomendações de cálculo prático da incerteza de medição e incerteza expandida de medição, que em conjunto com as novas ferramentas de cálculo do RCV e dos Requisitos de Qualidade laboratorial apresentadas na nova Base de Dados de Variabilidade Biológica, validam o reconhecimento internacional do documento conjunto CBHS-OBIO / LabGen-ANBIOQ, de otimização das cartas de controlo interno apresentado em 2012, com  atualizações em 2016 e em 2018. Este documento introduziu metodologias inovadoras de tratamento dos dados produzidos pelo laboratório clínico, as quais permitem avaliar o impacto clínico laboratorial dos doseamentos efectuados.

Neste sentido, a Ordem dos Biólogos e a Associação Nacional de Bioquímicos divulgam agora um conjunto de respostas às questões que têm surgido sobre este tema.

Olimpíadas Internacionais de Biologia 2022

Decorreram na Arménia, entre os dias 10 e 18 de Julho, as 33 International Biology Olympiad (IBO) que contaram com a participação de três alunos portugueses provenientes de escolas de Lisboa, Cascais e Vila Nova de Gaia. Os alunos André Daniel Malta Aires Melo da Cruz (11.º ano, Colégio de Gaia – Escola Católica, Vila Nova de Gaia) e Tiago Miguel Gomes de Sousa (11.º ano, Escola Secundária São João do Estoril, Cascais) foram galardoados com uma medalha de bronze. Para além destes, a representação portuguesa esteve ainda a cargo de Guilherme Eduardo Ramos Gouveia (12.º ano, Colégio Militar, Lisboa)
A situação particularmente anómala em que decorreu o ano de 2021/22, desde a situação pandémica à guerra, torna ainda mais significativa esta participação e a prestação dos nossos estudantes.
Muitos parabéns a todos!

Reunião com a Secretária de Estado da Saúde

A Ordem dos Biólogos reuniu, no passado dia 31 de Maio, com a Sra. Secretária de Estado da Saúde, Maria de Fátima Fonseca, no sentido de discutir o papel dos Biólogos na saúde.  A carreira do Biólogo Clínico no SNS foi, naturalmente, um dos temas em análise neste encontro entre a Secretária de Estado da Saúde e a Bastonária, que se fez acompanhar pelos membros do Conselho Diretivo e presidente do Colégio de Biologia Humana e Saúde, Cláudia Júlio e Bárbara Marques.

Acções de Curta Duração Olimpíadas

O CFOBio, em articulação com a coordenação da Olimpíadas Portuguesas de Biologia, vai promover um conjunto de acções de curta duração dirigidas aos professores responsáveis por estas Olimpíadas. As formações visam dar a conhecer a vertente internacional das Olimpíadas da Biologia (IBO e OIAB),  assim como explorar algumas das temáticas avaliadas nesses contextos.

Esta iniciativa decorrerá entre os dias 24 de Abril e 12 de Maio.

Biólogos galardoados com Medalhas de Ouro pelo Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde (MS) assinalou, passado no dia 7 de abril, o Dia Mundial da Saúde com uma sessão comemorativa, subordinada ao tema “O nosso planeta, a nossa saúde”. No decorrer do evento foram atribuídas Medalhas de Serviços Distintos – grau Ouro a profissionais de saúde pelos serviços prestados no âmbito da resposta à COVID-19, entre os quais se encontram: Raquel Guiomar, especialista em análises clínicas pela Ordem dos Biólogos, e Luís Vieira, especialista em genética humana pela Ordem dos Biólogos.

 

Raquel Guiomar é coordenadora, desde 2009, do Laboratório Nacional de Referência para o Vírus da Gripe e Outros Vírus Respiratórios do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSARJ). Em 2020, assumiu a responsabilidade pelas áreas do diagnóstico, vigilância e caracterização do vírus SARS-CoV-2, tendo implementado os procedimentos laboratoriais para pesquisa de anticorpos específicos para o vírus da gripe e para deteção de anticorpos contra o SARS-CoV-2. Como coordenadora da Rede Portuguesa de Diagnóstico da Gripe, organizou a implementação do diagnóstico laboratorial da COVID-19 na atual Rede Laboratorial para o Diagnóstico da COVID-19. É coordenadora da componente laboratorial do Inquérito Serológico Nacional para a COVID-19 e da componente virológica dos estudos da efetividade da vacina contra a gripe e COVID-19. É, ainda, representante do INSARJ no grupo de trabalho técnico para os testes de diagnóstico da COVID-19 da Comissão Europeia, na Comissão Técnica de Vacinação contra a COVID-19, sendo responsável pela emissão de pareceres técnicos para o diagnóstico da COVID-19.

 

Luís Vieira é coordenador da Unidade de Tecnologia e Inovação do Departamento de Genética Humana, do INSARJ, desde 2009. Durante estes anos, empenhou-se fortemente na atualização metodológica e tecnológica em sequenciação de DNA, no âmbito dos problemas de saúde pública, o que permitiu alavancar a capacidade de vigilância molecular de microrganismos patogénicos, alargar o espetro de diagnóstico das doenças genéticas e crónicas, e desenvolver novas atividades de investigação em saúde. Nos últimos dois anos, em contexto da pandemia de COVID-19, coordenou a equipa responsável pela sequenciação de mais de 90% dos genomas de SARS-CoV-2 sequenciados em Portugal, e assegurou a produção e transferência atempadas dos dados genómicos para análise e gestão posterior de outras Unidades/Entidades do INSARJ/MS, o que permitiu monitorizar a disseminação viral e identificar as variantes em circulação em Portugal. 

 

Esta distinção já tinha sido atribuída, no passado dia 9 de março, a Manuel Carmo Gomes, biólogo, epidemiologista e professor da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, pelo aconselhamento técnico prestado ao MS no âmbito da resposta à COVID-19. 

A Ordem dos Biólogos congratula-se com a distinção atribuída e transmite os seus mais sinceros parabéns aos galardoados.

Pode ler a notícia aqui.