Seminário “Um novo olhar para as Doenças Raras”

O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) promove, dia 7 de Outubro (11h:30), em formato virtual, um seminário intitulado “Um novo olhar para as Doenças Raras”. A participação é gratuita e será enviado um link de acesso, mediante inscrição até ao dia 6 de Outubro.

Para mais informações e inscrição aceda ao site aqui.

Preservação do capital natural: Preservar a biodiversidade

O Jornal de Negócios lança, pelo segundo ano consecutivo, um ciclo de talks sobre Sustentabilidade. No dia 23 de Setembro foi debatida a Preservação do Capital Natural: Preservar a Biodiversidade cujo painel contou com a presença da Bastonária da Ordem dos Biólogos Maria de Jesus Fernandes.
Pode consultar o suplemento editorial com o enquadramento do tema e conclusões do debate aqui.

Novas Formações – CFOBio

O Centro de Formação da Ordem dos Biólogos (CFOBio) promove, em parceria com a MARE/FCUL e Câmara Municipal de Loulé, duas novas formações. Um curso de formação com dezasseis horas designado Incorporar a Literacia do Oceano na Escola: ondas de mudança nas práticas experimentais (MARE/FCUL) e uma acção de curta duração com o título Plantas exóticas invasoras Erva-das-pampas o papel dos cidadãos na detecção precoce e controlo de invasoras (Câmara Municipal de Loulé). Pode obter mais informações e fazer a sua inscrição no site do Centro.

Webinar “A perspetiva do Biólogo Especialista de Saúde ao fim do primeiro ano de pandemia de COVID-19”.

Dia 30 de setembro, o Colégio de Biologia Humana e Saúde da Ordem dos Biólogos promove o Webinar “A perspetiva do Biólogo Especialista de Saúde ao fim do primeiro ano de pandemia de COVID-19“.
O alargado leque de ação dos profissionais de saúde da Ordem dos Biólogos foi preponderante, durante a pandemia de COVID-19, para a contenção e mitigação da infeção por SARS-CoV-2 em Portugal.
Desde a genotipagem/fenotipagem das estirpes do vírus SARS-CoV-2, ao diagnóstico molecular generalizado nos laboratórios do SNS / laboratórios privados e seu reporte no SINAVE, à avaliação da resposta serológica (e celular) às vacinas (suas especificidades e novas realidades do termo “Imunidade”)  e às necessidades de adaptação dos laboratórios de Reprodução Medicamente Assistida durante este período, muitas foram as áreas de intervenção e as exigências, não só técnico-científicas como de gestão dos processos e tomadas de decisão, as quais serão o enfoque deste Webinar.

O webinar conta com a presença de cinco biólogos especialistas, pela Ordem dos Biólogos, em Análises Clínicas, Genética Humana e Embriologia/Reprodução Humana.

Link do evento:https://us06web.zoom.us/j/83006485661

Portugal participou nas Olimpíadas Ibero-americanas de Biologia e surpreendeu!

 

As Olimpíadas decorreram on-line sob a organização da Costa Rica, entre os dias 6 e 10 de setembro. Os participantes portugueses voltaram a demostrar a sua elevada qualidade académica. O seu sorriso, a sua humildade, o seu espírito de equipa e entreajuda permitiu-lhes ultrapassar barreiras e chegar à meta.
A nossa delegação, que integrou quatro estudantes, subiu repetidamente ao pódio nesta sexta-feira, para receber uma medalha de prata e duas medalhas de bronze. Foram três os medalhados, mas quatro os vencedores.

 Medalhas de Bronze:

Cláudia Mateus (Colégio Militar).

Daniel Candal (Escola Secundária da Mealhada).

Medalha de Prata:

David Freiria (Escola Secundária de Santa Maria Maior).

Parabéns Cláudia Mateus, Daniel Candal, David Freiria e Patrícia Azevedo

Consulte aqui a Nota de Imprensa.

Ecology Day: Qual a importância da biodiversidade das grutas e do carso?

A Bastonária da Ordem dos Biólogos, Maria de Jesus Fernandes, irá participar como oradora no evento Ecology Day: Qual a importância da biodiversidade das grutas e do carso?, no dia 14 de setembro, na Gruta de Mira D’Aire. A sua participação será subordinada ao tema A importância da biodiversidade das grutas e do carso no contexto da Biologia.
O evento é organizado pelo cE3c em parceria com a SPECO e a  European Ecological Federation, no âmbito das celebrações do Dia da Ecologia, e contará, também, com a participação de João Pedro Matos Fernandes (Ministro do Ambiente e da Ação Climática), Ana Sofia Reboleira (professora Ciências ULisboa e investigadora cE3c), Cristina Máguas (presidente EEF e coordenadora cE3c),  Maria Amélia Martins-Loução (presidente SPECO), Octávio Mateus (professor NOVA e investigador GeoBioTec), Jorge Palmeirim (professor Ciências ULisboa e investigador cE3c) e Olímpio Martins (GISGAP – Parque Natural das Serras de Aires e Candeeiros)

Para mais informações consultar o programa aqui.

XV Olimpíada Ibero-Americana de Biologia

Começou oficialmente, no dia 06 de setembro, a XV Olimpíada Ibero-Americana de Biologia, tendo, este ano como País anfitrião a Costa Rica. Apesar de, por razões pandémicas, esta não se realizar de forma presencial, será mantida recorrendo a meios telemáticos.

Na cerimónia oficial de abertura, entre outros momentos, decorreu o juramento dos alunos participantes e dos jurados de cada País. A Equipa Portuguesa conta com 4 alunos participantes e dois jurados.

Pode seguir o evento em http://www.oiab.org/, assistir à cerimónia de abertura em https://www.youtube.com/watch?v=N99cFOB2R-k e seguir a página do Facebook da OIAB em https://www.facebook.com/XIVOIAB/?ref=page_internal

Reservas da Biosfera: territórios sustentáveis

O projeto “Reservas da Biosfera: territórios sustentáveis, comunidades resilientes”, iniciado em novembro de 2020, visa a valorização dos territórios em cumplicidade com as comunidades, compreendendo os ativos patrimoniais e serviços dos ecossistemas, apostando no reforço das competências e no modelo de governança.
Abrange todas as Reservas da Biosfera portuguesas e tem uma duração de 30 meses, sendo financiado pelo EEA Grants Portugal e EEA and Norway Grants.

A Ordem dos Biólogos é sua parceira, estando responsável pela criação e desenvolvimento das Olimpíadas das Reservas da Biosfera. Estas olimpíadas decorrerão durante o próximo ano lectivo de 2021-2022 e têm como objectivo promover o conhecimento sobre estas Reservas e o Programa MAB  (Man and Biosphere) da Unesco, assim como estimular o interesse dos estudantes e docentes para a importância do papel das Reservas da Biosfera, promovendo a sua visitação e usufruto, bem como o reconhecimento do seu papel no desenvolvimento sustentável e na preservação da biodiversidade, mas também na cultura.

Visite o site AQUI